Japão vai financiar relançamento da indústria têxtil em Angola

14 July 2010

Luanda, Angola, 14 Jul – Angola obteve um financiamento do Japão de 500 milhões de dólares a fim de executar o projecto de relançamento das três primeiras unidadades da indústria têxtil do país, afirmou terça-feira em Luanda o ministro da Indústria e Geologia e Minas, Joaquim David.

Citado pela agência noticiosa angolana Angop, o ministro disse que o financiamento, obtido pelo Instituto de Desenvolvimento Florestal de Angola, irá cobrir 85 por cento do custo do projecto, a ser executado de forma faseada.

Ao proceder à abertura de um encontro sobre o “Relançamento da indústria têxtil em Angola”, o ministro disse que o projecto de diz respeito às empresas Textang II (Luanda), África Têxtil 1º de Maio (Benguela) e Satec (Dondo).

Joaquim David disse ainda que este projecto de relançamento terá início com a recuperação da Textang II, onde serão aplicados 240 milhões de dólares, a que se seguirão a África Têxtil 1º de Maio de Benguela (480 milhões de dólares) e, por último, a Satec do Dondo, onde irão ser investidos 150 milhões de dólares.

Dizendo que a paralisação destas três unidades fabris colocou no desemprego centenas de pessoas, o ministro afirmou esperar que, a prazo, os empresários angolanos possam ter capacidade para gerir as três fábricas em vez de serem mantidas sob a gestão e dependência do Estado. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH