Futuro da Mabor de Moçambique será conhecido dentro de dois dias

21 July 2010

Maputo, Moçambique, 21 Jul – O futuro da Mabor de Moçambique – Manufactura de Borracha será conhecido dentro de dois dias quando os seus accionistas se reunirem em assembleia-geral, segundo apurou a macauhub em Maputo.

A empresa é detida maioritariamente pelo Estado moçambicano e por particulares.
A agenda do encontro, de acordo com a convocatória, inclui a análise, discussão e votação do relatório e contas do triénio 2006/08 e análise, definição e deliberação de propostas quanto ao futuro da empresa, entre outros assuntos.

A Mabor de Moçambique faz parte de uma série de empresas com participação do Estado que se encontram paralisadas.

Algumas antigas empresas que também se encontram paralisadas são a Riopel, uma empresa do sector têxtil, a Vidreira de Moçambique.

Na altura em que ainda funcionava, a Mabor de Moçambique chegou a abastecer vários países da África Austral, como a Namíbia, Botsuana, Malaui, Zâmbia, África do Sul e outras partes do mundo. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH