Brasileira Petrobras adia compra de participação na portuguesa Galp Energia

23 July 2010

Lisboa, Portugal, 23 Jul – A administração da petrolífera brasileira Petrobras adiou a compra de uma participação no capital da portuguesa Galp Energia para depois das eleições presidenciais no Brasil, informou em Lisboa o jornal I.

O jornal adianta que a decisão já foi comunicada aos italianos da ENI, cuja administração informou a sua congénere da Galp que já não está disponível para vender os 33 por cento que controla na empresa portuguesa.

Do lado português havia a expectativa que a transacção se pudesse realizar ainda este Verão, aproveitando o enorme aumento de capital da Petrobrás, superior a 20 mil milhões de euros, que ajudaria a financiar a compra de cerca de 25 por cento da Galp, operação avaliada em cerca de 2,5 mil milhões de euros a preços de mercado.

O resto da posição da ENI, cerca de 8 por cento, ficaria nas mãos do grupo financeiro estatal português Caixa Geral de Depósitos que dispersaria esse capital por grupos portugueses.

O Brasil escolhe um novo presidente a 3 de Outubro, estando prevista uma segunda volta para o final do mês, devendo o processo eleitoral ficar concluído em Novembro. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH