Comércio da China com Países de Língua Portuguesa aumenta 77 por cento com Brasil e Angola a liderarem os negócios

29 July 2010

Macau, China, 29 Jul – O comércio entre a China e os Países de Língua Portuguesa aumentou 77 por cento no primeiro semestre de 2010 para 41 688 milhões de dólares face a igual período de 2009, indicam dados oficiais hoje divulgados.

De acordo com estatísticas dos Serviços de Alfândega da China, o Brasil, com 26 391 milhões de dólares de trocas comerciais – dos quais 16 073 milhões de dólares resultaram de vendas à China- mantém-se como o principal parceiro da República Popular da China com um aumento de negócios da ordem dos 60 por cento até Junho.

A China exportou para o Brasil mercadorias no valor de 10 317 milhões de dólares, uma subida de 104 por cento face ao primeiro semestre de 2009.

Angola é o segundo maior parceiro chinês no âmbito dos oito países de língua Portuguesa, tendo alcançado trocas comerciais no valor de 13 450 milhões de dólares até Junho, mais 133 por cento face a igual período de 2009.

As vendas angolanas fixaram-se em 12 545 milhões de dólares -na sua maioria petróleo-, mais 185 por cento do no primeiro semestre de 2009 e as vendas da China em 905 milhões de dólares, menos 34 por cento face a igual período do ano passado.

Para Portugal, o terceiro parceiro comercial da China, seguiram mercadorias chinesas no valor de 1187 milhões de dólares, contra compras chinesas de 334 milhões de dólares, valores que traduzem aumentos de 40 por cento e 74 por cento, respectivamente.

Até Junho, as trocas comerciais entre Portugal e a China atingiram os 1521 milhões de dólares, mais 46 por cento do que em igual período de 2009.

Angola e Timor-Leste registaram as maiores subidas percentuais nas trocas comerciais com a República Popular da China, de 133 por cento e 132 por cento, respectivamente, enquanto que São Tomé e Príncipe, que não tem relações diplomáticas com Pequim, teve a subida mais ligeira, de 8,7 por cento.

Entre Janeiro e Junho todos os oito Países de Língua Portuguesa registaram acréscimos no volume de trocas comerciais com a China, segundo a informação disponibilizada no portal do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Paises de Língua Portuguesa (Macau)

As importações da China junto dos oito países aumentaram 80 por cento nos primeiros seis meses do ano para 29 014 milhões de dólares ao mesmo tempo que o volume das exportações chinesas registou uma subida homóloga de 70 por cento para 12 674 milhões de dólares.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH