Sul-africana Sasol prepara-se para iniciar prospecção de hidrocarbonetos na costa de Sofala e Inhambane em Moçambique

13 August 2010

Maputo, Moçambique, 13 Ago – O grupo de petroquímica sul-africano Sasol prepara-se para inicar perfurações destinadas à pesquisa de hidrocarbonetos na zona maritima ao largo da costa de Sofala e Inhambane, a 95 quilómetros a sudeste da Beira e a 50 quilómetros a norte do Parque Nacional do Arquipélago de Bazaruto.

A Sasol pretende investir na exploração de hidrocarbonetos (petróleo e gás) mais de US$ 5 milhões.

Segundo documentos a que o jornal moçambicano teve acesso a Sasol realizou já os estudos de pré-viabilidade ambiental indo agora decorrer nos próximos dias 23,24 e 26 de Agosto sessões públicas para consulta à sociedade na Beira, Maputo e Govuro, na província de Inhambane.

O jornal Notícias escreve que o relatório indica que não foram encontrados obstáculos ao projecto considerando que o mesmo pode prosseguir com a realização de um Estudo de Impacto Ambiental (EIA).

Segundo o mesmo documento no processo foram listados impactos na biodiversidade, nas actividades socioeconómicas que integram a pesca, bem assim na gestão de resíduos, na atmosfera, na água, derrames acidentais de hidrocarbonetos e os de natureza cumulativo.

Após os estudos em curso pela Sasol e caso os mesmos provem que não há nenhum impacto negativo o governo de Moçambique deverá autorizaraudará arranque dos trabalhos de prospecção de hidrocarbonetos na costa de Sofala e Inhambane.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH