Governo de Moçambique criou Conselho de Investimentos

4 October 2010

Nampula, Moçambique, 4 Out – O governo de Moçambique criou o Conselho de Investimentos, órgão de consulta e coordenação de políticas ao nível do Conselho de Ministros virado para a promoção e atracção de investimentos, informou em Nampula o ministro da Planificação e Desenvolvimento.

No encerramento da Conferência sobre o Desenvolvimento da Zona Económica Especial de Nacala (ZEE), que decorreu desde a passada quinta-feira naquela cidade da província de Nampula, Aiuba Cuereneia disse que o Conselho de Investimentos, cujos membros serão empossados nos próximos dias, tem, entre outras competências, a coordenação de acções dos vários órgãos que compõem o Estado com vista a criação de condições necessárias à realização de investimentos no país.

Aiuba Cuereneia convidou na ocasião o Gabinete das Zonas Económicas de Desenvolvimento Acelerado (Gazeda) e a delegação da Zona Económica Especial de Nacala a apresentarem um mecanismo de consulta e articulação de base que garanta a resolução dos problemas do dia-a-dia, influenciando na execução das deliberações do Conselho de Investimentos.

De acordo com o jornal estatal Notícias, de Maputo, a Zona Económica Especial de Nacala é um sucesso no contexto de que as acções planificadas já começaram a dar os seus frutos, facto que resulta de uma coordenação inter-institucional visando que mais projectos acima dos actuais 14 possam afluir àquela região, contribuindo para o aumento do número dos postos de trabalho existentes. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH