Estatais Sonangol, Angola, e PetroSA, África do Sul, estudam construção e gestão conjunta de refinarias

14 October 2010

Luanda, Angola, 14 Out – A estatal angolana Sonangol e a estatal sul-africana PetroSA estão a analisar a eventual criação de uma parceria para a construção e gestão de refinarias de petróleo, informou em Luanda o Ministério dos Petróleos.

Em comunicado, o ministério informou que representantes dos dois países reuniram-se em Luanda durante cinco dias a fim de discutir mecanismos de cooperação na indústria petrolífera.

“As partes estão a analisar a possibilidade de criação de uma parceria entre a Sociedade Nacional de Petróleos de Angola e a Petroleum, Oil & Gas Corporation of South Africa para construir e gerir refinarias e produtos petrolíferos acabados”, pode ler-se no comunicado.

De acordo com a Associação da Indústria Petrolífera da África do Sul, a PetroSA está a analisar há três anos a construção de uma refinaria para processar 400 mil barris de petróleo por dia, um investimento estimado em 9 mil milhões de dólares.

Angola é o segundo maior produtor de petróleo de África a sul do Saara, depois da Nigéria, e a planeada refinaria do Lobito terá uma capacidade de processamento de 200 mil barris por dia, sendo que a única outra refinaria existente processa apenas 41 mil barris de petróleo por dia. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH