Acordo entre bancos da China e português BPI vai ajudar negócios das empresas chinesas em Angola

9 November 2010

Lisboa, Portugal, 9 Nov – O vice-presidente do Banco da China, Chen Siqing, disse domingo em Lisboa que o acordo assinado com o Banco BPI vai permitir aumentar os negócios das empresas chinesas em Angola.

“O Banco BPI tem uma presença forte em Angola, através do Banco de Fomento de Angola, e nós queremos com esta cooperação desenvolver negócios em Angola”, disse Chen Siqing numa conferência de imprensa conjunta.

Já o presidente do Banco BPI, Fernando Ulrich, recordou que já desde 2006 há um acordo entre o BPI e a sucursal de Macau do Banco da China, mas sublinhou que o acordo assinado agora vem alargar essa cooperação.

“Para ajudar as empresas nossas clientes que queiram desenvolver actividade no mercado chinês é importante o BPI ter um acordo com a sede do Banco da China, para além da relação que já tinha com a sucursal de Macau”, disse Ulrich.

Anteriormente, Ulrich tinha dito que o acordo assinado entre o banco que dirige e o Banco da China pode impulsionar o crescimento das importações portuguesas para aquele país asiático.

O acordo assinado entre os dois bancos abre “canais de cooperação entre clientes e produtos financeiros”, tinha dito anteriormente o vice-presidente do Banco da China.

À margem da assinatura do protocolo, os responsáveis das duas entidades bancárias admitiram também que o Banco da China pode vir a entrar no capital do Banco BPI. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH