Consórcio Movitel ganhou licença de 3º operador de telefonia móvel em Moçambique

9 November 2010

Maputo, Moçambique, 9 Nov – A Movitel, um consórcio constituído pelas empresas vietnamita Viettel Telecom e moçambicana SPI, ganhou o concurso público internacional para a atribuição da terceira licença de operador de telefonia móvel.

Após a avaliação técnica e financeira efectuada pelo júri, cujos resultados foram homologados pela administração do Instituto Nacional das Comunicações de Moçambique (INCM), na qualidade de entidade reguladora do sector, a Movitel ficou classificada em primeiro lugar, seguida da Uni – Telecomunicações e da TMM – Telecomunicações Móveis de Moçambique.

A Uni – Telecomunicações era uma parceria entre os grupos moçambicano Insitec e angolano de telecomunicações móveis Unitel e a TMM – Telecomunicações Móveis de Moçambique – era um consórcio entre os grupos portugueses Portugal Telecom e Visabeira.

O presidente do INCM, Isidoro Pedro da Silva, que anunciou os resultados do concurso, disse que a proposta da Movitel obteve a melhor classificação na avaliação técnica e que ficou em segundo lugar quanto ao valor que se propôs pagar pela atribuição de uma licença – 28 milhões de dólares, menos do que os 32 milhões de dólares da UNI – Telecomunicações mas mais do que os 25 milhões de dólares da TMM.

Ao longo dos próximos cinco anos a Movitel propõe-se investir em Moçambique mais de 400 milhões de dólares e garantir uma cobertura populacional de cerca de 85 por cento.

Isidoro Pedro da Silva disse ainda acreditar que a entrada deste operador vai forçar a redução das tarifas actualmente praticadas pelos dois outros operadores de telefonia móvel, a estatal mCel e a Vodacom. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH