Produção de castanha de caju em Moçambique deverá atingir 120 mil toneladas até 2015

10 November 2010

Maputo, Moçambique, 10 Nov – A produção moçambicana de castanha de caju deverá atingir 120 mil toneladas até 2015, contra a produção de 96 mil toneladas verificada na campanha de 2009, disse terça-feira em Maputo o director adjunto do Instituto de Fomento do Caju (Incaju).

Raimundo Jorge Matule comentava o desempenho global do sector do caju desde 2006 antecipando o início do 5º Fórum Nacional do Caju, evento que terá lugar em Maputo quinta e sexta-feira próximas.

Ainda de acordo com Raimundo Matule, no mesmo período, o processamento da castanha deverá passar das actuais 35 mil toneladas para 60 mil toneladas, ou metade da produção total.

“O governo investiu 50 milhões de dólares, nos últimos cinco anos, para melhorar o desempenho do sector do caju, incluindo a instalação das 18 fábricas a operar em todo o país”, disse.

Um documento do Incaju mostra que o subsector do caju cresceu, em termos globais, 5,8 por cento no período em análise, como consequência do crescimento da produção e distribuição de mudas em 12,5 por cento, tendo a comercialização crescido 11,1 por cento e o processamento 3,9 por cento.

Já as exportações globais aumentaram a uma média anual de 6,2 por cento, em resultado de um crescimento de 7 por cento na exportação da castanha em bruto e de 5,4 por cento na exportação da castanha processada (amêndoa). (macauhub)

MACAUHUB FRENCH