Macau vai participar em fundo para promover as relações económicas e comerciais entre a China e os países de língua portuguesa

11 November 2010

Macau, China, 11 Nov – Macau vai participar num fundo destinado a promover as relações económicas e comerciais entre a China e os países de língua portuguesa, anunciou quarta-feira em Macau o secretário para a Economia e Finanças.

À margem da sessão plenária da Assembleia Legislativa, Francis Tam Pak Yuen adiantou que a soma de 50 milhões de dólares mencionada na imprensa local como sendo a comparticipação de Macau é uma das propostas que está em cima da mesa mas acrescentou nada haver ainda de definitivo.

O secretário para a Economia e Finanças disse também que a criação do fundo será anunciada pelo governo central no decurso da 3ª Conferência Ministerial para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, a ter lugar em Macau dias 13 e 14 de Novembro corrente.

Fontes citadas pelo jornal em língua inglesa The Macau Post Daily indicaram que o fundo terá um valor inicial de 300 milhões de dólares, sendo 50 milhões de dólares garantidos por Macau e os restantes 250 milhões de dólares por empresas da China.

Francis Tam disse ainda que a comparticipação de Macau destina-se a promover ainda mais o papel do território como uma plataforma para o aprofundamento das relações económicas e comerciais entre a China e os países de língua portuguesa e sublinhou que o fundo será gerido pelo governo central.

O primeiro-ministro da China Wen Jiabao e outros chefes de Estado e de governo participação sábado e domingo nos dois dias de trabalhos do Fórum Macau. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH