Rede de telefonia fixa continuará a ser desenvolvida em Angola

18 November 2010

Luanda, Angola, 18 Nov – A rede fixa de telecomunicações no país, sob tutela da Angola Telecom, continuará a ser desenvolvida em todo o país, garantiu quarta-feira em Luanda o ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação.

Em declarações à agência noticiosa angolana Angop, José Carvalho da Rocha adiantou que os operadores de telefonia móvel não colocam em risco a existência da rede fixa, mas vêm complementar os serviços de telecomunicações e aumentar as opções da população.

O ministro referiu estar o mercado cada vez mais integrado, assistindo-se à convergência de serviços e tecnologias que obrigam, naturalmente, ao aparecimento de novos serviços, implicando também uma nova regulamentação para se acompanhar todo o processo evolutivo do sector.

Nesse contexto, José Carvalho da Rocha informou estar o Ministério das Telecomunicações e Tecnologias de Informação a tratar, neste momento, da legislação do sector, a qual conferirá maior peso ao Instituto Angolano das Comunicações (Inacom), que terá uma importância fundamental em todo o sistema das comunicações no país.

“A reforma está a ser feita em relação àquilo que nós hoje verificamos no mercado. Um mercado cada vez mais integrado, onde assistimos à convergência de serviços, de tecnologias e, naturalmente isso obriga ao aparecimento de novos serviços. Por isso temos de adaptar a nossa legislação a todo esse movimento a que assistimos” – reiterou.

Os novos serviços, acrescentou, implicam uma nova regulamentação, por essa razão é que se está a adaptar a legislação a essa realidade do país mantendo, no entanto, a Inacom  “a tarefa da regulação do mercado e a primeira interacção com os operadores e utilizadores”. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH