Banco ExIm da China vai continuar a conceder empréstimos a Angola

22 November 2010

Luanda, Angola, 22 Nov – O Banco de Exportações e Importações (ExIm) da China vai continuar a conceder empréstimos para apoiar a reconstrução de infra-estruturas básicas de Angola, disse sexta-feira em Luanda Zhu Xinqiang, vice-governador do banco.

Em declarações à agência noticiosa Nova China, Zhu Xinqiang disse que o banco tem estado a aprofundar o seu relacionamento com os países africanos tendo concedido empréstimos no montante de 150 mil milhões de yuan (23 mil milhões de dólares) desde a sua constituição há 15 anos, incluindo milhares de milhões de dólares a Angola desde o termo da guerra civil em 2002.

Zhu Xinqiang e dezenas de banqueiros, empresários e homens de negócios da China acompanharam o vice-presidente da China Xi Jinping que efectuou uma visita à capital angolana sexta-feira e sábado passados, antes de seguir para o Botswana.

O vice-presidente do Banco ExIm da China disse ainda que os milhares de milhões de dólares concedidos a Angola em “empréstimos mutuamente preferenciais” têm sido um êxito total não havendo qualquer crédito mal-parado.

De acordo com estatísticas incompletas, os empréstimos concedidos a Angola foram utilizados para a construção de 56 escolas com uma população escolar de 150 mil estudantes, 24 hospitais com 3 340 camas, 10 estações de tratamento de água beneficiando mais de 1 milhão de pessoas, uma estação de televisão com uma audiência de 9 milhões de telespectadores, 830 quilómetros de estadas, 3 200 quilómetros de cabos de telecomunicações e nove estações de transmissão de energia eléctrica. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH