Municípios de Angola cobertos pela rede bancária até finais de 2012

26 November 2010

Luanda, Angola, 26 Nov – O governador do Banco Nacional de Angola (BNA), José da Lima Massano, assegurou quarta-feira, em Luanda, que até finais de 2012 todos os municípios do país disporão de uma instituição bancária.

Ao discursar na cerimónia de encerramento do III Fórum sobre Economia e Finanças, o governador disse que o sector bancário prosseguirá a expansão da sua rede comercial, embora persistam dificuldades de natureza organizativa, operacional e logística.

José Massano disse ainda que até finais de 2012 haverá em Angola quase mil balcões de instituições bancárias ao mesmo tempo que a taxa de bancarização da população angolana se aproximará de 20 por cento.

O governador recordou que o governo aprovou uma estratégia de desenvolvimento e consolidação do sistema financeiro, um programa que, na sua opinião, procura assegurar o crescimento da banca em harmonia com as melhores práticas do sector, conferindo maior confiança aos seus clientes e dando maior sustentabilidade à função de afectação de recursos para o desenvolvimento do tecido empresarial.

Adiantou que o BNA sinalizou o mercado com uma redução da taxa de redesconto e introdução de facilidades permanentes de liquidez, despenalizando falhas pontuais de liquidez e conferindo maior segurança às operações com moeda nacional. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH