Grupo saudita vai investir em projecto turístico em Moçambique

6 December 2010

Riade, Arábia Saudita, 6 Dez – O grupo saudita Aujan vai investir cerca de 100 milhões de dólares na ilha de Santa Carolina, arquipélago moçambicano de Bazaruto, província de Inhambane, afirmou em Riade o presidente do grupo, Adel Aujan.

Em declarações à agência noticiosa moçambicana AIM à margem do “Fórum de Investimento Golfo-África 2010”, em que Moçambique participou, Adel Aujan adiantou que o grupo tem estado a trabalhar no projecto há cerca de cinco anos.

O presidente do grupo Aujan acrescentou terem os seus dirigentes concluído ser esta a “altura certa” para avançar com o projecto, que deve começar no próximo ano, com conclusão prevista para 2013.

Segundo o empresário saudita, o projecto consiste na construção de um hotel, apartamentos e de uma estância de férias completa, com um “spa” e incluindo todos os requisitos necessários e de alta qualidade.

A execução do projecto estará a cargo da Rani Resorts, uma subsidiária do grupo Aujan, que já opera cinco estâncias turísticas em Moçambique.

O “Fórum de Investimento Golfo-África 2010” decorreu no passado fim-de-semana em Riade, Arábia Saudita, organizado pelo Instituto de Investigação do Golfo, em parceria com o Conselho das Câmaras do Reino da Arábia Saudita (CSC).

Destinou-se a debater as relações económicas e examinar as oportunidades de investimento entre os países do Conselho de Cooperação do Golfo (GCC), instituição fundada em 1981, e os países da região da África Subsariana. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH