Empresa portuguesa vai fornecer materiais para parques eólicos em Cabo Verde

14 December 2010

Esposende, Portugal, 14 Dez – A empresa portuguesa Solidal vai participar na instalação de quatro parques eólicos em Cabo Verde, um projecto avaliado em 45 milhões de euros, informou a empresa em comunicado divulgado segunda-feira em Esposende.

A empresa vai fornecer 180 quilómetros de cabos isolados de média tensão (12/20kV), destinados às redes de média tensão dos parques e respectiva interligação às subestações.

Os quatro parques eólicos totalizam uma potência de 28 megawatts (MW), distribuídos pelas ilhas de Boavista (4 MW), do Sal (8 MW), de Santiago (10 MW) e de São Vicente (6 MW).

“Com este fornecimento estaremos associados a um dos maiores projectos de investimento no sector energético em Cabo Verde, que desempenhará um papel de extrema importância na redução da dependência energética daquele país”, afirmou Pedro Lima, presidente da Solidal.

A entidade adjudicante foi o governo de Cabo Verde, sendo que a Solidal irá fornecer os cabos para a empresa dinamarquesa Vestas, que ganhou o concurso chave-na-mão para a construção dos parques eólicos. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH