Economia de São Tomé e Príncipe cresceu 4,5 por cento em 2010

30 December 2010

São Tomé, São Tomé e Príncipe, 30 Dez – A economia de São Tomé e Príncipe registou um crescimento de 4,5 por cento em 2010, meio ponto percentual a mais do que o valor registado em 2009, afirmou quarta-feira em São Tomé o governador do banco central.

Luís de Sousa, governador do Banco Central de São Tomé e Príncipe (BCSTP), disse terem contribuído para aquele crescimento o sector financeiro, associado aos da construção, consumo e comércio que, à semelhança dos últimos anos, continuam a ser os principais determinantes do crescimento.

Segundo o governador do BCSTP, o valor das exportações de cacau cresceu “ligeiramente” em 2010, graças ao aumento do “preço internacional do cacau biológico, ainda que com pouco peso no PIB”.

As perspectivas económicas para 2011, prosseguiu Luís de Sousa, com as incertezas que ainda pairam na economia mundial, “são pouco encorajadoras”.

“O banco central continuará a pautar a sua actuação por uma política macroeconómica que prevê um crescimento económico acima de 5 por cento, uma redução da inflação anual para níveis entre 7 e 8 por cento e a manutenção das reservas internacionais num patamar mínimo de quatro meses de importação de bens e serviços”, salientou Luís de Sousa.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH