Governo de Moçambique vai iniciar projecto da linha férrea Norte-Sul

18 January 2011

Maputo, Moçambique, 18 Jan – O Ministério dos Transportes e Comunicações vai iniciar, este ano, a elaboração do plano espacial e definição do traçado da linha férrea Norte-Sul, nos termos do Plano Económico e Social para 2011, informou o diário Notícias, de Maputo.

A linha vai reduzir os problemas de deficiente escoamento da produção de um ponto do país para o outro, não informando o documento quando deverão iniciar-se as obras de construção da linha férrea nem os investimentos necessários para a sua construção.

Mas pelos valores envolvidos em linhas, como as de Sena e Nacala, prevê-se que a construção da linha Norte-Sul venha a custar centenas de milhões de dólares.

Por outro lado, o Plano Económico e Social para 2011 prevê a ampliação da capacidade estratégica do terminal de carvão mineral no porto da Beira, província de Sofala, que será útil no armazenamento do carvão a ser extraído, nos próximos tempos, na bacia carbonífera de Moatize, em Tete.

Ao mesmo tempo, o ministério espera iniciar os estudos de estabelecimento do aeroporto internacional de Maputo, fora da cidade capital, sendo já conhecido que um dos locais escolhidos para a instalação do futuro aeroporto é o distrito de Marracuene, na província de Maputo. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH