Linha de caminho-de-ferro do Sena, em Moçambique, estará pronta dia 31 de Janeiro

24 January 2011

Maputo, Moçambique, 25 Jan – As obras de reconstrução da linha de caminho-de-ferro do Sena terminarão dia 31 do corrente, garantiu o director-geral da empresa indiana Rites em declarações ao jornal moçambicano O País.

À saída de um encontro com o ministro dos Transportes e Comunicações, Paulo Zucula, e o presidente da empresa Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM), Rosário Mualeia, Bhawan Makhija, em representação do concessionário, o consórcio entre as empresas indianas Rites e Ircon, disse que em Março a linha terá uma capacidade de dois a três milhões de toneladas por ano.

A linha do Sena irá servir, fundamentalmente, para escoar o carvão que a empresa brasileira Vale e a australiana Riversdale Mining vão extrair em Tete e cujo início está previsto para ocorrer ao longo do semestre em curso.

Por seu turno, o director-geral da Ircon, Mohan Tiwari, justificou o atraso de dois anos na conclusão da obra com problemas de financiamento e garantiu que dentro de 18 meses a linha terá capacidade para transportar 3 a 5 milhões de toneladas de carga por ano, sendo objectivo do consórcio elevar essa capacidade para 12 milhões de toneladas. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH