Aeródromo de Vilanculos, Moçambique, vai poder receber 200 mil passageiros por ano

25 January 2011

Maputo, Moçambique, 26 Jan – O aeródromo de Vilanculos vai aumentar de 62 mil para 200 mil a sua capacidade anual de processamento de passageiros quando terminarem as obras de modernização actualmente em curso, disse à macauhub em Maputo uma fonte aeroportuária.

Localizado na província de Inhambane, sul de Moçambique, o aeródromo de Vilanculos vai ser uma das principais entradas de turistas no país, dado que a província de Inhambane é um destino preferencial de turistas provenientes principalmente da vizinha África do Sul.

No passado foi equacionada a construção de uma estrada alcatroada ligando Mapinhane, no distrito de Vilanculos, e Pafuri (provincia de Gaza), na fronteira com a África do Sul, via que serviria de alternativa para a entrada e saída de turistas sul-africanos e até do Zimbabué, recordou a fonte.

O governo moçambicano está a fazer avultados investimentos em infra-estruturas aeroportuárias em quase todo o país tendo em perspectiva criar melhores condições para quem procura Moçambique para desfrutar das suas estâncias turísticas.

Recentemente, o aeroporto internacional de Maputo passou a dispor de um novo terminal internacional de passageiros, uma empreitada que contou com financiamento da China e foi realizada pela empresa chinesa Anhui Foreign Economic Construction Corporation (AFECC), que está igualmente a recuperar o aeródromo de Vilanculos. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH