Empresa moçambicana Aquapesca vai exportar camarão e caranguejo para os EUA e China

26 April 2011

Maputo, Moçambique, 26 Abr – Camarão e caranguejo produzidos pela empresa Aquapesca no distrito de Inhassunge, província central da Zambézia, vão passar a ser comercializados em dois novos mercados, Estados Unidos da América e China, a partir de 2011, afirmou o director da empresa em declarações ao diário Notícias, de Maputo.

Salientando que os países da zona do euro eram até agora o mercado preferencial do camarão produzido através da aquacultura, experiência introduzida há 15 anos naquela província, François Grosse disse ao jornal que o volume de produção esperado este ano será superior a 800 toneladas de camarão, contra as 585 toneladas de 2010, o que constitui um aumento real de 215 toneladas.

Em 2010, a Aquapesca exportou para a União Europeia 200 toneladas de camarão.

A empresa, de capitais franceses e moçambicanos, já investiu até ao momento 50 milhões de dólares na concretização do empreendimento, dispondo de uma força laboral de 800 trabalhadores, dos quais metade é efectiva.

A empresa abriu uma nova frente através de uma experiência-piloto de um projecto de aquacultura de caranguejo, destinado a abastecer não só o mercado nacional, mas também outros países onde o consumo de marisco está a aumentar.

Esta experiência-piloto está avaliada em mais de um milhão de dólares, financiados pela União Europeia, e está a ser desenvolvida numa área de cinco hectares com 800 caranguejos.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH