Portugal será o único país europeu em recessão em 2012

15 May 2011

Bruxelas, 16 Mai – Portugal será o único país europeu em recessão em 2012, de acordo com as previsões da Primavera da Comissão Europeia, que estima para este ano que a economia portuguesa registe uma contracção de 2,2 por cento.

Para 2012, a Comissão Europeia prevê que a economia de Portugal quebre 1,8 por cento, ao mesmo tempo que o endividamento do Estado atingirá 101,7 por cento do Produto Interno Bruto.

Este ano, apenas a Grécia de entre todos os países europeus deverá registar uma quebra na sua economia maior do que a portuguesa, com 3,5 por cento, sendo que em 2012 já deverá estar a crescer 1,1 por cento.

O relatório destaca a “expectável deterioração nas condições laborais, cortes significativos nos salários do sector público, uma aceleração temporária dos preços no consumidor devido à subida do Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) e um apoio limitado de crédito bancário às famílias”, um conjunto de factores que conduzirão à contracção do consumo privado.

Bruxelas avalia, entretanto, que as exportações vão continuar a contribuir para minorar o impacto dos restantes indicadores na evolução da economia, que deverão crescer 6,2 por cento este ano e 5,9 por cento em 2012.

O endividamento do Estado português, de acordo com o mesmo relatório, deverá atingir 101,7 por cento do PIB este ano e 107 por cento em 2012, podendo estabilizar em 2013 e começar a cair depois disso.

Entretanto, o Instituto Nacional de Estatística informou que o PIB português caiu 0,7 por cento no primeiro trimestre do ano, depois de no último trimestre de 2010 ter registado uma contracção de 0,6 por cento, confirmando que a economia portuguesa se encontra em recessão técnica. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH