China vai conceder fundos para centro agrícola em Boane, Moçambique

19 May 2011

Maputo, Moçambique, 20 Mai – A China vai conceder cerca de 185 mil dólares para o Centro de Investigação e Transferências de Tecnologias de Umbeluzi (CITAU), no distrito de Boane, província do Maputo, informou o embaixador da China em Moçambique, Hunag Songfu, em carta enviada ao ministro da Ciência e Tecnologia, Venâncio Massingue..

O jornal Notícias, de Maputo, informou que aquele montante, que será aplicado no projecto de terraplenagem e de ligação de água e electricidade, bem como na construção de uma via de acesso, resulta do Acordo de Cooperação Económica e Técnica assinado entre os governos dos dois países em 25 de Março de 2009.

O CITAU vai realizar investigação científica e inovação tecnológica com base em técnicas agrárias, sistematizar e melhorar as tecnologias e técnicas agrárias existentes no país, com vista ao aumento da produção e produtividade, transferir e demonstrar técnicas e tecnologias agrárias em Moçambique, disseminar e diversificar as tecnologias para o aumento da produção e da produtividade, através da investigação científica, bem assim potenciar a capacidade das instituições no campo da investigação agrária.

O porta-voz do Ministério da Ciência e Tecnologia, Rufino Gujamo, disse que o CITAU vai ainda executar estudos e trabalhos de investigação e demonstração de tecnologias e técnicas agrárias, criar um espaço de aprendizagem de boas práticas agrárias para os produtores, instituições do Ensino Superior e técnico profissional, público e privado do sector agrário, estabelecer campos de demonstração, com vista à transmissão de técnicas de produção inovadoras. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH