Porto do Namibe, Angola, processou mais 2% de carga no 1º trimestre

25 May 2011

Namibe, Angola, 26 Mai – O porto do Namibe processou no primeiro trimestre do ano mais 2% de carga do que no período homólogo de 2010, afirmou terça-feira o presidente do Conselho de Administração em exercício do porto, Pedro Cahamba, de acordo com a agência noticiosa angolana Angop.

No decurso da cerimónia comemorativa do 54º aniversário do porto, assinalado terça-feira, Pedro Cahamba disse ainda que naquele período de três meses as receitas registaram um crescimento de 10%.

Dados estatísticos da empresa dão conta que atracam mensalmente naquelas instalações portuárias, em média, 20 navios de longo curso e de cabotagem, incluindo petroleiros, ascendendo o processamento de mercadorias a cerca de 200 mil toneladas/ano.

De acordo com Pedro Cahamba, a primeira fase de recuperação do porto, com particular destaque para a reparação de 240 metros de cais e partes adjacentes, permitiu a recuperação dos níveis de produção e receitas da empresa.

Outro factor que contribuiu para o bom desempenho da empresa foi a aquisição de equipamentos de carga, recuperação da principal via de acesso do recinto portuário e a instalação de duas torres de iluminação, adquiridos através de uma doação do governo japonês, em 2010.

Construído em 1957, o porto do Namibe, o terceiro mais importante de Angola, depois de Luanda e Lobito, tem 870 metros de cais de acostagem e conta com mais de 700 trabalhadores. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH