Portugal vai financiar protecção da faixa litoral da capital de São Tomé e Príncipe

1 June 2011

São Tomé, São Tomé e Príncipe, 2 Jun – São Tomé e Príncipe e Portugal assinaram um memorando de entendimento para a protecção da faixa litoral da capital de São Tomé e Príncipe, um projecto estimado em 7,6 milhões de euros, disse quarta-feira à macauhub em São Tomé o ministro são-tomense da tutela, Carlos Vila Nova.

O ministro dos Recursos Naturais e Obras Públicas de São Tomé e Príncipe disse que o memorando de entendimento foi assinado segunda-feira na capital são-tomense por um representante do governo português afecto ao ministério de Ambiente e Ordenamento Territorial de Portugal.

Nos termos do documento, Portugal, através daquele ministério, comprometeu-se a financiar as obras com a concessão de um empréstimo a São Tomé e Príncipe, prevendo-se o início das obras para o segundo trimestre de 2012, acrescentou Vila Nova.

Numa faixa com um comprimento de mais de três quilómetros ao longo do litoral da cidade de São Tomé, o projecto de recuperação prevê “grandes alterações em termos de infra-estruturas públicas”, passando pela construção do pavimento, estradas, passeios, protecção marítima, reordenamento de circulação viária, adiantou o ministro.

O projecto, que envolve a administração do Parque Expo de Portugal, estabelece ainda a introdução do sistema de combate à erosão costeira da principal baía de cidade de São Tomé, entre outras acções a serem executadas nos próximos três anos, de acordo com o estabelecido. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH