Moçambique, Zâmbia e Zimbabué vão trocar informações sobre bacia do rio Zambeze

4 July 2011

Maputo, Moçambique, 5 Jul – Os governos de Moçambique, da Zâmbia e do Zimbabwe assinaram na passada semana em Tete um memorando de entendimento visando a troca regular de informações e de dados sobre a bacia do rio Zambeze, informou o diário Notícias, de Maputo.

Iniciativa inspirada no Protocolo sobre Cursos de Água Compartilhados na Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral (SADC), a assinatura do documento resulta do reconhecimento de que a falta deste exercício não só penaliza as infra-estruturas ao longo da bacia mas também compromete o desenvolvimento económico e social das suas comunidades adjacentes.

Com uma área aproximada de 1,3 milhões de quilómetros quadrados, a bacia do Zambeze cobre territórios de oito países africanos, Moçambique, Angola, Botsuana, Zâmbia, Zimbabué, Tanzânia, Malawi e Namíbia.

O memorando visa o estabelecimento de um quadro de colaboração entre as instituições dos três países, tendo em vista o intercâmbio de dados hidro-meteorológicos e informações sobre as barragem estabelecidas ao longo do rio e consequente utilização e uma melhor gestão dos recursos hídricos da bacia do Zambeze.

Nos termos do memorando, os três países comprometem-se a dar corpo ao objectivo de promover o intercâmbio de informações relevantes para a segurança ambiental e das barragens, utilização da água para a geração de electricidade, tendo como pano de fundo o quadro legal vigente em cada país. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH