Grupo português Sonae aguarda autorização para abrir 4 hipermercados em Luanda, Angola

13 July 2011

Porto, Portugal, 14 Jul – O grupo português Sonae pretende abrir quatro hipermercados em Luanda e atingir a liderança do sector de retalho alimentar no país, disse o presidente da companhia, Paulo Azevedo, durante a apresentação do relatório de sustentabilidade 2010.

O projecto de internacionalização da Sonae na área do retalho ganhou novos contornos a 15 de Abril último, com a conclusão do acordo com a empresa angolana Condis, conducente à construção em Angola de uma rede de hipermercados no país com a marca “Continente”.

Paulo Azevedo disse agora que o pedido de aprovação do projecto já deu entrada na Agência Nacional para o Investimento Privado e acrescentou “estamos à espera da aprovação, ou não, do nosso projecto”.

No domínio da sustentabilidade, uma área que “consome recursos” mas também “permite criar valor” o relatório do maior empregador privado português relativo a 2010 apresenta dados como a criação de 3 454 postos de trabalho, a valorização dos colaboradores com 1,5 milhões de horas de formação, o aumento de 24,4% dos impostos pagos ao Estado, para 58 milhões de euros e o apoio a 3 082 organizações, com contributos no valor de 10,4 milhões de euros. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH