Empresa de Moçambique com sede no Niassa inicia exportação de amêndoa de macadâmia

2 August 2011

Lichinga, Moçambique, 3 Ago – A empresa moçambicana de capitais estrangeiros Tenga, Lda., sediada na província do Niassa, iniciou, em Julho passado, a exportação de amêndoa de macadâmia para a Europa, segundo a Agência de Informação de Moçambique (AIM).

Vincent Peacolk, director-geral da empresa, disse tratar-se de uma experiência nova que arranca, numa primeira fase, com a exportação de cinco toneladas para, na próxima safra, a quantidade ascender as 50 toneladas, destinados à exportação também para os mercados asiático e australiano.

O projecto da macadâmia concretizou-se em 2004 através da Fundação Malonda que apoiou a Tenga, Lda. a investir na província de Niassa, concretamente nas imediações dos rios Luchesse e Metomone, em Majune.

Dados da Fundação Malonda indicam que a Tenga, Lda vai ter de investir cerca de 15 milhões de dólares para o aproveitamento integral dos dois mil hectares da área concessionada.

Actualmente a empresa explora apenas uma área de 500 hectares e emprega mais de 80 trabalhadores.

A empresa pretende ainda construir uma pequena barragem sobre o rio Luchesse para assegurar água para toda a zona onde vai produzir amêndoa de macadémia.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH