Embarque do primeiro carvão a ser exportado pela Vale Moçambique está previsto para 3 de Setembro

29 August 2011

Beira, Moçambique, 30 Ago – O embarque das primeiras 35 mil toneladas de carvão mineral de Moatize, província central de Tete, a serem exportadas pelo grupo brasileiro Vale, está previsto para 3 de Setembro próximo, informou o Diário de Moçambique.

O jornal que se publica na cidade da Beira adiantou que o navio que vai transportar o carvão já se encontra ancorado ao largo do porto da cidade, na província de Sofala.

À data de publicação da notícia encontravam-se já no terminal de carvão do porto 13600 toneladas, que foram transportadas até ao porto por sete comboios utilizando a linha de caminho-de-ferro do Sena.

O Diário de Moçambique cita Cândido Jone, director executivo da empresa CFM-Centro, responsável pela rede ferroviária da região centro adiantou que afirmou serem necessários pelo menos mais nove comboios transportando cada um cerca de 2 mil toneladas que para que sejam completadas as cerca de 35 mil toneladas a serem embarcadas no Orion Express, nome do navio ancorado ao largo do porto da Beira.

Jone disse ainda que “o carvão vai ser transportado até ao alto mar por embarcações pequenas, até 35 mil toneladas, e depois transbordado para os navios de grande calado no alto mar, uma vez que estes estão impedidos de entrar no porto por causa do seu tamanho, variação de marés e a pouca profundidade do canal”. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH