PIB de Macau cresce 24% no segundo trimestre do ano

30 August 2011

Macau, China, 31 Ago – O Produto Interno Bruto (PIB) de Macau no segundo trimestre de 2011 registou um crescimento real de 24,0%, em termos anuais, estimulado, principalmente, pela exportação de serviços, pelo investimento e pela despesa em consumo privado, segundo dados dos Serviços de Estatística e Censos (SEC).

Os SEC assinalam que a exportação de serviços do jogo cresceu 39,0%, a despesa total de visitantes (excepto a despesa no jogo) aumentou 5,9%, o investimento expandiu-se 23,1% e a despesa em consumo privado subiu 11,3% mas referem que a exportação de mercadorias desceu 8,2%.

O deflator implícito do PIB no segundo trimestre deste ano, que reflecte a evolução do preço global, aumentou 6,0%, em relação a idêntico trimestre do ano transacto.

No primeiro semestre de 2011 o PIB cresceu 22,9%, em termos reais, apesar do crescimento económico do primeiro trimestre ter sido revisto para cima, passando de 21,5% para 21,6%.

No trimestre de referência a despesa em consumo privado elevou-se 11,3%, esta percentagem foi menor que a assinalada no primeiro trimestre (13,0%), dado que o número de empregados e seus rendimentos continuaram a aumentar e a taxa de desemprego se manteve num nível baixo.

A despesa de consumo final das famílias realizada no território subiu 7,6% e a realizada no exterior expandiu-se 21,3%, nomeadamente, efectuada na China Continental atingiu os 1,66 mil milhões de Patacas.

A despesa de consumo final do Governo aumentou 8,1% (esta percentagem foi superior a -1,2%, registada no primeiro trimestre), como consequência dos acréscimos de 7,2% na remuneração dos empregados e de 10,2% nas compras líquidas de bens e serviços.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH