Valor da participação de Portugal na Hidroeléctrica de Cahora Bassa voltou a desvalorizar no 1º semestre

31 August 2011

Lisboa, Portugal, 1 Set – A participação de 15% da Parpública na Hidroeléctrica de Cahora Bassa (HCB) voltou a desvalorizar no primeiro semestre deste ano, com a empresa estatal a registar uma imparidade de 22,5 milhões de euros, informou a empresa.

Avaliada em 100 milhões de euros no final do ano passado, a participação da Parpública na HCB passou a valer 77,5 milhões de euros em Junho, como “resultado de estudos de avaliação realizados por entidades independentes”, de acordo com o relatório e contas da Parpública, sociedade gestora de participações sociais do Estado português.

Esta participação de 15% é para vender, tendo o anterior governo português encetado contactos para que a REN – Redes Energéticas Nacionais viesse a comprar metade daquela posição, sendo que a outra metade seria vendida ao Estado moçambicano. Até agora o negócio não avançou.

No relatório relativo ao primeiro semestre de 2011, a Parpública dá conta dos planos de alienação das participações em diversas empresas portuguesas e, no caso da HCB, informa que essa participação será alienada no prazo de um ano.

Já no ano passado a Parpública tinha registado perdas por imparidade na sua participação na HCB, sendo que a perda por imparidade acumulada na empresa moçambicana ascende a 62,7 milhões de euros, de acordo a Parpública. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH