Município de Maputo, Moçambique, vai lançar concurso público para as obras de protecção costeira da marginal

10 November 2011

Maputo, Moçambique, 11 Nov – O município de Maputo vai lançar um concurso público para seleccionar a empresa que irá proceder às obras de protecção costeira na marginal da cidade, afirmou o presidente da câmara David Simango, em declarações à agência noticiosa moçambicana AIM.

Este projecto, destinado a travar a erosão costeira, tem um orçamento de 22,5 milhões de dólares que foram garantidos pelo Fundo Saudita de Desenvolvimento, pelo Banco Árabe para o Desenvolvimento de África e pelo governo central de Moçambique.

Trata-se do segundo concurso público relacionado com este projecto, sendo que o primeiro, que visava a escolha de uma empresa que teria por tarefa apresentar um plano de intervenção, acabou por ser ganho por um consórcio constituído por uma empresa egípcia e uma moçambicana.

No entanto, os acontecimentos no Egipto relacionados com a queda do regime do presidente Hosni Mubarak forçaram a empresa egípcia a pedir um adiamento, que foi aceite pelo conselho municipal.

De acordo com David Simango, o plano de intervenção foi apresentado na semana passada, devendo o lançamento do concurso público para a selecção da empresa que irá executar as obras ocorrer ainda este mês.

O presidente do município salientou que os trabalhos de protecção costeira são fundamentais para mitigar os efeitos da erosão que está a ameaçar a marginal de Maputo. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH