Angola começará a exportar gás natural liquefeito no primeiro trimestre de 2012

8 December 2011

Luanda, Angola, 9 Dez – A empresa Angola LNG, no Soyo, província do Zaire, vai iniciar a exportação de gás natural liquefeito a partir do primeiro trimestre de 2012, assegurou quinta-feira, em Luanda, o director nacional de comercialização do Ministério dos Petróleos.

Albino Ferreira, que discursava na abertura do seminário sobre “Avaliação do Petróleo e Gás”, disse que a integração do gás natural liquefeito no leque dos produtos de exportação do país obriga as entidades angolanas do sector a aprofundar os conhecimentos sobre este mercado, de acordo com a agência noticiosa angolana Angop.

Numa alusão ao tema do seminário, Albino Ferreira disse que a valorização do petróleo bruto depende de uma série de variáveis, entre as quais, destacou a qualidade do produto, a sazonalidade, factores geopolíticos, comportamento das economias e factores especulativos.

Referiu ainda que, com o envolvimento crescente de investidores financeiros no mercado petrolífero, o petróleo em rama passou a ser um activo alternativo às acções e títulos, elevando os preços a níveis sem precedentes, uma vez que estes aumentos ocorrem muito distanciados dos níveis da procura e oferta deste produto.

Sobre o mercado angolano de petróleo bruto em 2010, disse terem sido exportados cerca de 624,40 milhões de barris a um preço médio ponderado de 77,925 dólares por barril.

O seminário sobre “Avaliação do Petróleo e Gás”, a decorrer durante dois dias, junta oradores internacionais com experiência no mercado petrolífero, representantes dos ministérios das Finanças, da Economia, Planeamento e de companhias petrolíferas que operam no país. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH