Obras de reconstrução da linha férrea Beira/Machipanda, em Moçambique, já se iniciaram

16 January 2012

Maputo, Moçambique, 17 Jan – As obras de reconstrução da linha de caminho-de-ferro Beira/Machipanda iniciaram-se há dias nos locais mais críticos da via onde, devido à obsolescência do equipamento, se verificam descarrilamentos, informou o director dos Transportes e Comunicações da província de Sofala.

Em declarações ao diário Notícias, de Maputo, Carlos Isidoro garantiu que as obras ficarão concluídas dentro de oito meses não tendo, no entanto, divulgado qual a verba que irá ser aplicada.

A reconstrução do sistema ferroviário de transporte de carga e passageiros na linha Beira/Machipanda, ligando as províncias de Sofala e Manica com o vizinho Zimbabué, através do posto fronteiriço de Machipanda, vai permitir, novamente, um escoamento de pessoas e bens, sobretudo de camponeses que desenvolvem as suas actividades ao longo do Corredor da Beira.

As obras naquela via, numa extensão de 317 quilómetros, deviam ter ficado concluídas em Dezembro de 2006, mas a então concessionária indiana Ricon, parceria entre as empresas estatais Rites e Ircon, não conseguiu honrar os seus compromissos, facto que criou prejuízos ao Estado moçambicano avaliados em 230 milhões de dólares.

Este troço assume particular importância para Moçambique, pois vai imprimir maior dinamismo na ligação estratégica de e para os diferentes pólos de desenvolvimento do país e regiões circunvizinhas, melhorar a eficiência na circulação de pessoas e bens entre diferentes entrepostos existentes ao longo da via. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH