Moçambique e EUA negociam novo acordo quadro de comércio e investimento

17 January 2012

Maputo, Moçambique, 18 Jan – Uma delegação do governo dos Estados Unidos da América encontra-se em Maputo até sexta-feira a fim de proceder à revisão do Acordo Quadro de Comércio e Investimento Estados Unidos-Moçambique, informou o matutino Notícias, de Maputo.

Conhecido por TIFA (Trade and Investment Framework Agreement), o acordo actualmente em vigor entre os Estados Unidos da América e Moçambique foi assinado em Junho de 2005.

O Notícias adianta que o embaixador Demetrios Marantis, representante-adjunto de Comércio dos Estados Unidos da América (United States Trade Representative), vai trabalhar com o Ministério de Indústria e Comércio de Moçambique e com o sector privado com o propósito de encorajar ainda mais a melhoria do ambiente de negócios em Moçambique e tentar aumentar o comércio bilateral através dos vários mecanismos existentes.

De entre os referidos mecanismos destaca-se a Lei para o Crescimento e Oportunidades para África, ou AGOA (African Growth and Opportunity Act), a utilização de Dispositivos para Escape de Tartarugas, ou TED (Turtle Extruder Devices) de modo a permitir a abertura do mercado dos EUA ao marisco de Moçambique e a conferência “Let’s Do Business” em Março próximo.

Moçambique foi um dos primeiros dos 38 países actualmente elegíveis para exportar cerca de 6 500 produtos diversos para os Estados Unidos da América isentos de taxas alfandegárias no âmbito do AGOA.

Em termos comerciais, as exportações dos EUA para Moçambique incluem produtos energéticos, trigo, camiões e tractores e as importações norte-americanas de Moçambique concentram-se nos minérios de titânio e tântalo, castanha de caju e pedras preciosas. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH