Vencedor do concurso para a exploração das areias pesadas do Chibuto, Moçambique, será conhecido até Junho

29 February 2012

O governo de Moçambique deverá anunciar em Junho próximo o vencedor do concurso público internacional para a exploração do projecto das areias pesadas do Chibuto, na província meridional de Gaza, disse em Maputo a ministra dos Recursos Minerais, Esperança Bias.

Em declarações ao jornal moçambicano Correio da Manhã, a ministra acrescentou que, de acordo com o calendário estabelecido, as propostas recebidas serão abertas em Abril para uma primeira triagem e as empresas cujas propostas respeitarem os requisitos serão convidadas a apresentar uma proposta final, “devendo o vencedor ser anunciado até Junho”.

Referindo-se às razões que estão na base do atraso no início deste projecto, Esperança Bias disse que uma das razões tem a ver com as características dos depósitos de areias pesadas, diferentes, por exemplo, das de Moma, na província de Nampula, não havendo até bem recentemente tecnologia para proceder à sua exploração.

A ministra recordou que o anterior concurso, lançado em 2010, foi cancelado por os concorrentes não terem respondido aos requisitos impostos pelo governo para a exploração daqueles depósitos.

O projecto das areias pesadas do Chibuto ocupa uma área de 11 mil hectares e tem um potencial de de 70 milhões de toneladas de ilmenite tendo já estado entregue em regime de concessão ao grupo australiano BHP Billiton, decorrente da compra da empresa australiana Corridor Sands, mas a licença foi revogada em meados de 2010 devido ao incumprimento dos objectivos assumidos, nomeadamente, o prazo para o início da operação de extracção.

Os depósitos de areias pesadas de Moma, na província de Nampula, são explorados pela empresa irlandesa Kenmare Resources. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH