Porto da Beira, em Moçambique, quer duplicar movimento de contentores e carga

4 March 2012

O Porto da Beira, único local de entrada e saída de mercadorias de países como o Zimbabwe, Zâmbia, Malawi, República Democrática do Congo e Botswana, pretende duplicar a sua capacidade de manuseamento de contentores e carga geral, escreve hoje o jornal Notícias.

O jornal refere que para atingir esse objectivo a empresa pública Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM) e a concessionária Cornelder de Moçambique estão a proceder a avultados investimentos.

Projectado para manusear 100 mil contentores por ano, em 2010 o Porto da Beira movimentou 105 mil contentores número que subiu para 160 mil em 2011. Em 2006 o porto movimento 55 mil contentores.

Na carga geral, foram movimentadas 1,2 mil milhões de toneladas em 2010 e em 2011 atingiu a cifra de 1,9 mil milhões, sendo um aumento de quase 40 pontos percentuais de volume total.

Até 2016 espera-se que o Porto da Beira passe a ter uma capacidade média de 400 mil contentores. A CFM prevê que até 2015 o porto passe a manusear 300 mil contentores.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH