Grupo Tata Steel, da Índia, vai receber 10% das suas necessidades de carvão de Moçambique

11 March 2012

O grupo indiano Tata Steel vai adquirir 10% das suas necessidades de carvão de coque do mineral a ser extraído pelo grupo anglo-australiano Rio Tinto na mina de Benga, na província de Tete, em Moçambique, disse o director-geral do grupo H.M. Nerurkar.

Citado sábado pela agência de informação financeira Bloomberg, aquele responsável adiantou que no decurso do primeiro ano o grupo deverá receber da mina de Benga cerca de 700 mil toneladas, de uma necessidade anual de carvão de coque que oscila entre 6 milhões e 8 milhões de toneladas.

O grupo Tata Steel controla uma participação de 35% na mina de Benga, que passou para a posse do grupo anglo-australiano Rio Tinto na sequência da aquisição do grupo australiano Riversdale Mining, pelo que a importação de carvão daquele empreendimento ajudará o grupo indiano a baixar a factura em matérias-primas.

A produção na mina de carvão de Benga deverá iniciar-se ao longo do primeiro semestre em curso. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH