Reactivação do pólo industrial da Matala, em Angola, vai incentivar produção agrícola

26 April 2012

A reactivação de algumas unidades fabris do pólo industrial da Matala, leste da Huíla, prevista para este ano, vai incentivar os agricultores locais a aumentarem e diversificarem a produção, afirmou, quinta-feira, o administrador, Miguel de Paiva Vicente.

De acordo com Miguel Vicente, estão em recuperação a fábrica de transformação de tomate na comuna de Kapelongo e as moagens de farinha de milho e trigo na sede municipal, projectos com investimentos privados.

“A entrada em actividade destas moagens vai incentivar os agricultores a aumentarem a sua produção, pois a colheita será absorvida por esta indústria, que surge como solução para os principais centros de produção de cereais e tomate, que carecem de mercado de escoamento”, referiu.

O pólo de desenvolvimento industrial da Matala integra mais de seis unidades fabris e tem em perspectiva a construção de outras ligadas à transformação de frutos, nas comunas de Frechel, Capelongo e na sede do município, no âmbito do programa de expansão e desenvolvimento económico da província da Huíla.

O município da Matala está localizado a 180 quilómetros a leste do Lubango, sede capital da província da Huíla, e vive essencialmente da agricultura e pesca. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH