Missão brasileira do Ceará quer estabelecer rota marítima com Cabo Verde

15 May 2012

Uma missão de empresários e representantes de instituições brasileiras iniciará quinta-feira uma visita a Cabo Verde no decurso da qual irá ser discutido o estabelecimento de uma rota marítima entre Fortaleza, no Ceará, e a Praia, capital do arquipélago.

A possibilidade do projecto se tornar realidade é grande, de acordo com o presidente da Ceará Trade Brasil e da Câmara Brasil Angola no Ceará, Roberto Marinho, que, embora considere a logística complicada, não afasta o êxito da empreitada.

Em Janeiro último uma missão brasileira já havia estado em Cabo Verde para fazer um estudo sobre a concentração de carga, o que gerou a assinatura de um acordo de cooperação entre a Companhia Docas do Ceará e a cabo-verdiana Enapor, acordo que, de acordo com Marinho, foi o primeiro passo para o estabelecimento de uma ligação marítima directa entre o estado do Ceará e Cabo Verde.

Esta nova missão brasileira integra membros da direcção da Companhia Docas do Ceará, da Comissão de Comércio Exterior do Ceará, das câmaras Brasil-Portugal, Brasil-Angola e Brasil-Moçambique no Ceará, bem como do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), da Federação das Indústrias do Estado do Ceará/Centro Internacional de Negócios e empresários, do Sindicato das Indústrias, assim como empresários daquela região brasileira.

Programada para decorrer de 17 a 24 de Maio corrente, esta missão tem já mercado para dia 18 um encontro na Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Sotavento, na Praia, a fim de conhecer o ambiente de negócios de Cabo Verde e no dia 22 com a administração da Enapor – Portos de Cabo Verde. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH