Programa “Feito em Angola” com lançamento oficial sexta-feira em Luanda

16 May 2012

O logótipo da programa “Feito em Angola” será divulgado sexta-feira, em Luanda, pelo Ministério da Economia, com o objectivo de desenvolver uma imagem de marca para os produtos e serviços angolanos, de acordo com a agência noticiosa angolana Angop.

O logótipo será colocado nas embalagens dos bens de consumo e na comunicação externa das empresas que vierem a aderir ao programa.

O consultor do ministro da Economia, Licínio Contreiras, disse à Angop que de um total de 70 empresas convidadas a participar na primeira fase desta campanha 45 responderam positivamente, entre as quais se incluem a Indústria Angolana de Óleos Vegetais (Induve), Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola (Sonangol) e bancos do Comércio e Indústria (BCI) e Angolano de Investimento (BAI).

Contreiras disse ainda que o programa “Feito em Angola” pretende incentivar o consumo de produtos nacionais em detrimento dos importados, levando as empresas nacionais “a produzir cada vez mais e melhor.”

A apresentação de candidaturas de adesão ao programa deverá respeitar critérios que abrangem os objectivos de excelência bem como a solidez da empresa, que deverá ter a sua situação com o fisco e a segurança social regularizada.

Nos termos do programa, os associados têm de pagar uma quota anual, que começa em 250 dólares para as micro empresas que facturem até 250 mil dólares por ano e tem um valor máximo de 2 500 dólares para as grandes empresas com uma facturação superior a 10 milhões de dólares. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH