Syrah Resources vende activos não-estratégicos para se concentrar em Moçambique

20 May 2012

A Syrah Resources está a desfazer-se de participações não-estratégicas a fim de se concentrar na exploração de activos de grafite em África, particularmente no projecto Balama, em Moçambique, informou a empresa australiana em documento a que a macauhub teve hoje acesso.

A empresa acordou com a ANR Resources a venda por 900 mil dólares australianos da sua participação na Syrah Resources (KSA), que controla uma participação na Syrah Resources Saudi Arabia LLC, que dispõe de 25 licença de exploração mineira no país.

O dinheiro desta venda, que será adicionado ao encaixado pela empresa na sequência de um aumento de capital de 6,2 milhões de dólares australianos, será aplicado nos projectos africanos, muito em particular no Projecto Balama, controlado a 100%, onde já foram iniciadas perfurações.

Este negócio segue-se a um outro divulgado no princípio do mês quando a Syrah Resources assinou um acordo com a Copper Strike para vender oito licenças de prospecção de areias minerais na Tanzânia.

Estas licenças, localizadas nas regiões costeiras nortenha e central do país, cobrem uma área de 1 350 quilómetros quadrados, o que exigiria muito tempo e recursos avultados para proceder à sua exploração

O projecto Balama, em Moçambique, já se diferenciou de outros depósitos de grafite no Canadá, na Europa e na Austrália através das reservas potenciais, qualidade elevada e da dimensão do minério recolhido na sequência de testes metalúrgicos. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH