Portugal vai continuar em recessão em 2013 e OCDE antecipa mais medidas de austeridade

22 May 2012

Portugal vai manter-se em recessão em 2013, ano em que a taxa de desemprego deverá atingir 16,2%, depois de se situar em 15,4% este ano, informou terça-feira em Paris a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económicos (OCDE).

A OCDE prevê que o Produto Interno Bruto português registe este ano uma contracção de 3,2%, a que seguirá uma outra de 0,9% em 2013, de acordo com o capítulo dedicado a Portugal no documento “Economic Outlook”.

Caso estas previsões venham a ser confirmadas, a economia de Portugal terá três anos consecutivos de recessão, de 2011 a 2013, a que é necessário adicionar a registada em 2009, ano em que a economia contraiu-se 2,9%.

As previsões da OCDE apontam para que os défices orçamentais ascendam a 4,6% do PIB este ano e 3,5% no próximo, o que está acima das metas oficiais de 4,5% este ano e 3% em 2013.

Face a estas previsões, o documento da OCDE adianta que “cumprir as metas estabelecidas (…) vai exigir medidas adicionais de consolidação orçamental, além das constantes no programa de ajuda financeira e Portugal”. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH