Maior ETAR de Moçambique inaugurada na cidade da Beira

4 June 2012

A maior estação de tratamento de águas residuais (ETAR) de Moçambique entrou segunda-feira em funcionamento nos arredores da cidade da Beira, informou o matutino Notícias, de Maputo.

As obras de construção da ETAR estão integradas no grande projecto de saneamento da Beira iniciado em Dezembro de 2010 e estavam orçadas em 62,95 milhões de euros, dos quais 52,95 foram financiados pela União Europeia e os restantes 9,70 milhões de euros saíram do Orçamento de Estado de Moçambique.

A empreitada foi executada pelo consórcio CMC/Conduril e fiscalizada pelo Grupo Louis Berger/Royal Haskoning e consistiram na inspecção e limpeza da rede por condutas de esgotos e águas pluviais, revestimento e substituição de condutas danificadas e reparação de postos de bombagem, estações elevatórias e saídas para o mar.

O director do Projecto de Saneamento da Beira, Óscar Monteiro, disse que a nova ETAR conta com reactores anaeróbicos, dois filtros biológicos, igual número de decantadores com a função de tratar as águas dos esgotos daquela cidade a partir da última estação elevatória localizada na Munhava e que vai garantir que não haja poluição ambiental.

Monteiro disse ainda que o empreendimento vai garantir que as águas ali processadas possam ser reaproveitadas para muitos outros fins, como a rega dos jardins e lavagem de viaturas, produzindo em simultâneo adubos para utilização agrícola. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH