Empresa SRK Consulting efectua estudos de impacto ambiental para exploração de fosfatos em Moçambique

7 June 2012

Estudos de impacto ambiental para uma projectada mina de fosfatos e correspondente unidade de processamento na província de Nampula, norte de Moçambique, estão a ser realizados pela empresa canadiana SRK Consulting, informou o sítio Mining Weekly.

Citando Chris Dalgliesh, parceiro da SRK, a publicação adianta que a procura mundial de adubos parece “insaciável” e que uma empresa mineira internacional identificou depósitos de fosfatos numa região a 75 quilómetros para o interior da cidade portuária de Nacala, onde a futura unidade de processamento virá a ser construída.

“A SRK Consulting foi contratada para realizar os estudos de impacto ambiental tanta da mina como da fábrica bem como os relativos à construção de uma linha de caminho-de-ferro e de uma represa para armazenamento de água”, disse Dalgliesh, para acrescentar que, a fim de respeitar a legislação de Moçambique, está a trabalhar em parceria com uma empresa local.

Por questões de carácter económico, os fosfatos extraídos na mina serão processados nos arredores de Nacala antes de colocação nos navios para exportação

Nacala dispõe de um dos maiores portos de águas profundas de toda a África Oriental e, a prazo, virá a ser um dos maiores centros de exportação de matérias-primas, particularmente de carvão.

A empresa canadiana está a trabalhar neste projecto há cerca de 18 meses devendo os estudos de impacto ambiental ficar concluídos em 2013.

Em Moçambique, a SRK Consulting está igualmente a efectuar estudos de impacto ambiental para a proposta expansão do terminal de carvão da Matola ao abrigo de um contrato com o grupo sul-africano de navegação e logística Grindrod. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH