Empresários do Brasil interessados nas privatizações em Portugal

27 June 2012

Os empresários do Brasil estão a acompanhar o processo de venda de activos estatais em Portugal, disse o embaixador do Brasil em Portugal, Mário Vilalba, em declarações ao semanário português Expresso.

“Os processos de venda da TAP Air Portugal, dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo, da actividade seguradora do grupo financeiro estatal Caixa Geral de Depósitos, bem como os correios e a gestão de aeroportos e hospitais estão a ser acompanhadas pelos empresários do Brasil”, disse ainda o embaixador.

Mário Vilalba garantiu que a perda para os chineses da China Three Gorges Corp da participação do Estado na EDP – Energias de Portugal não fez esmorecer o interesse brasileiro.

Na área da saúde, ligada ao banco estatal português Caixa Geral de Depósitos, a brasileira Amil Participações já foi pré-selecionada e a brasileira Companhia de Concessões Rodoviárias está interessada na privatização da Aeroportos de Portugal.

“É a hora de investir. Nas privatizações, em princípio vamos participar em todas. A EDP não deu certo, mas vamos à Aeroportos de Portugal, TAP, correios, construção naval, hospitais e seguros da Caixa Geral de Depósitos, onde até já foi pré-selecionado o grupo Amil”, disse Mário Vilalba nas declarações ao Expresso.

Quanto à TAP Air Portugal, o embaixador disse que, além da Latam Airlines, fusão da chilena Lan com a brasileira Tam, há o interesse ainda não manifestado de outros grupos que não são necessariamente do sector dos transportes aéreos. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH