Portuguesa Somague contratada para obras no aeroporto da Catumbela, em Angola

27 June 2012

A empresa portuguesa de construção civil Somague foi contratada pela brasileira Odebrecht para realizar trabalhos de acabamentos no terminal internacional e torre de controlo do aeroporto da Catumbela, entre outros, no valor de 68 milhões de dólares, informou a Somague em comunicado.

Um outro contrato foi já celebrado com a Empresa Nacional de Exploração e Navegação Aérea de Angola (Enana) para a instalação de correntes fracas, equipamentos dos balcões, RX, mangas, transportadores, mobiliário, sistema de navegação aérea e coordenação e gestão de projectos, no valor de 54 milhões de dólares.

Para além do aeroporto da Catumbela, a Somague tem estado envolvida na remodelação e ampliação do Aeroporto 4 de Fevereiro em Luanda, tendo agora ganho o projecto para o terminal de voos domésticos, que consiste na montagem de um terminal provisório, demolição do terminal existente e edificação do novo terminal com 8 200 metros quadrados de construção em 2 pisos mais sobreloja, no valor de 32 milhões de dólares.

Estes dois projectos fortalecem a carteira prevista para a Somague em Angola, que ascende já a cerca de 400 milhões de dólares. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH