Royal Dutch Shell voltou a prolongar prazo para a aceitação da oferta pela irlandesa Cove Energy

28 June 2012

O grupo Royal Dutch Shell prolongou pela terceira vez em cinco semanas o prazo para a aceitação da oferta de 1,1 mil milhões de libras (1,7 mil milhões de dólares) pela irlandesa Cove Energy, cujos accionistas terão até 11 de Julho para tomar uma decisão, informou o grupo em comunicado.

A Cove Energy, cujo principal activo é uma participação de 8,5% num bloco petrolífero na bacia do Rovuma, em Moçambique, onde foram descobertos depósitos de gás natural de grande dimensão, está a ser disputada pelos grupos Royal Dutch Shell, que apresentou a primeira oferta, e pelo grupo estatal PTT Exploration & Production da Tailândia.

Depois de se ter mostrado inicialmente favorável à oferta da Royal Dutch Shell, de 220 pence por acção, o conselho de administração da Cove Energy aconselhou os accionistas a aceitarem a oferta da PTT no montante de 1,9 mil milhões de dólares ou 240 pence por acção.

O bloco petrolífero em questão tem como principal parceiro e accionista o grupo norte-americano Anadarko Petroleum, com 36,5%, incluindo os restantes accionistas a Mitsui & Co do Japão, com 20%, as empresas indianas Bharat Petroleum Corp. e Videocon Industries Ltd. com 10% cada e a empresa estatal moçambicana Empresa Nacional de Hidrocarbonetos com 15%. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH