Exploração artesanal é importante para a Empresa Nacional de Diamantes de Angola

5 July 2012

A exploração artesanal de diamantes é importante na medida em que permite a exploração de recursos naturais quando as reservas industriais ficam esgotadas, disse quarta-feira, em Luanda, o presidente da Empresa Nacional de Diamantes de Angola (Endiama).

Citado pela agência noticiosa angolana Angop, Carlos Sumbula referiu que mal termine a exploração industrial, por redução das reservas, o remanescente ainda é rentável para a actividade artesanal.

“Essas reservas são atribuídas aos cidadãos angolanos para que prossigam a exploração de forma artesanal” sublinhou Carlos Sumbula, para acrescentar que, em alguns casos, a Endiama atribui concessões artesanais originais, ou seja, “não precisamos que uma actividade industrial tenha terminado.”

Por outro lado, o presidente da Endiama informou que de futuro a actividade artesanal vai ficar na dependência da Sociedade de Comercialização de Diamantes de Angola (Sodiam) e coordenada pela Endiama Logística Integrada (Enditrade) em colaboração com responsáveis residentes nas comunas.

Carlos Sumbula informou que a Endiama já iniciou a distribuição de senhas mineiras em diversos municípios estando prevista, nos próximos dias, a distribuição na província da Lunda Sul. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH