Angola despendeu mais de 1,2 mil milhões de dólares em 2011 com fretes marítimos

17 July 2012

Angola despendeu em 2011 mais de 1,2 mil milhões de dólares em fretes marítimos para a importação de carga em contentores, disse terça-feira em Luanda o ministro dos Transportes, Augusto da Silva Tomás, quando procedia à inauguração da Bolsa Nacional do Frete (BNF).

O montante, adiantou o ministro, correspondeu à chegada a Angola de 421 mil contentores com carga importada, número superior ao registado em anos anteriores e um custo em frete inferior, atendendo a que desde 2008 se tem vindo a registar uma queda nos preços.

Augusto da Silva Tomás disse que enquanto em 2008 se pagava uma média de 3 665 dólares para transportar um contentor para Angola, no primeiro semestre deste ano esse valor tinha baixado para 2 850 dólares, uma queda real de 815 dólares por contentor ou de 22% em termos percentuais.

A Bolsa Nacional do Frete destina-se, nas palavras do ministro citadas pela agência noticiosa angolana Angop, a aproximar os importadores, agentes de navegação e armadores na contratação de transporte marítimo das mercadorias com destino para Angola.

A bolsa tem por objectivo principal contribuir para a redução do frete nos transportes marítimos cujas cargas tenham origem/destino nos portos de Angola até ao nível dos valores praticados correntemente no mercado internacional. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH